18/01/2007

The wild man from Texas

Em 1918 nasceu o tenorista Arnett Cleophus Cobb, em Houston, Texas, estado-modelo dos cowboys norte-americanos. Dizem por aí que seu interesse pelo saxofone iniciou quando tirou som em um berrante (aquele instrumento feito de chifre de boi que os cowboys usam para avisar as esposas que eles estão chegando) e, comovido, logo depois, trocou o chifre de chifre por um de metal e desandou a tocar. Aos quinze anos já soprava o seu instrumento em shows nos clubs de Houston e Louisiana. Ficou famoso quando, ao lado de Lionel Hampton, e substituindo Illinois Jacquet, fez uma interpretação magistral do tema Flying home nº 2. Esse foi o início de uma relação que durou de 1942 a 1947, quando deixou a banda e iniciou sua carreira liderando pequenos grupos que foi interrompida diversas vezes por problemas de saúde e acidentes. Insistente, mesmo contra as ordens médicas, o camarada não largava o seu sax tenor. O seu sopro é marcado pela sonoridade quente e rascante (com alguns tremolos que não chegam a prejudicar suas interpretações) e profundamente marcado pelo blues nas construções dos solos. Morreu em 1989. Deixarei a faixa citada no Gramophone by Salsa.
PS - A gravação que está no gramophone é recente. Consta do cd The definitive Black&Blue sessions, gravado em Paris, em 1976.

3 comentários:

Danilo disse...

Tente arranjar a gravação original pra gente comparar.

Salsa disse...

Já encomendei uma cópia via Lombo da Mula Records.

olney disse...

Uau!! Gostei muito desta "radiola" que vcs puseram agora no blog... (mesmo sem comentarem nada a respeito)