29/01/2007

Predador is flyin' home

É com pesar que constato, ao retornar ao lar, que o nosso iracundo Predador depôs as armas em função de um reles imitador. Como já disse outro visitante (o Velhinho de Copacabana) "Fica, bicho!", o blog precisa de presenças críticas como a sua. O que você vai fazer em Ponta de Órion, sua terra natal, onde, segundo consta, só tem grupo de congo sendo explorado pelas "otoridades" locais? Ainda bem que nem tudo é tristeza: as festas nos prédios do Harlem, relatadas pelo bigboss Lester, lembraram-me os encontros do Clube das Terças no apartamento do André que, aliás, já está passando da hora de promover outra. Foi numa dessas festinhas que tentaram me convencer que aquele troço que Lionel Hampton toca é um instrumento musical. E conseguiram - apesar de eu ainda achar que é um instrumento para tocar músicas natalinas (observem quando Hampton deixa o som reverberar). O fato é que Hampton estava predestinado ao vibrafone: ele iniciou sua vida musical tocando bateria e, pelo jeito, apaixonou-se pelas baquetas. Antes de descobrir outro instrumento ainda tentou tocar piano, mas os dois pauzinhos grudados em suas mãos não permitiram um bom desempenho. Restou-lhe, então, o vibrafone que, para sua felicidade, permitiu-lhe segurar quatro pauzinhos de uma só vez. Recentemente, adquiri a caixa Complete quartets and quintets on Verve (com Oscar Peterson ao piano). Deixarei uma faixa no Gramophone by Salsa (se o Bolt deixar) para servir de trilha sonora para a longa, arriscada e solitária viagem de retorno ao lar do nosso alienígena e casmurro Predador: When the saints go marchin' in. Boa viagem, meu velho!


8 comentários:

mineirinho disse...

Uai, vosmicê já retornou?

Salsa disse...

É a tal da rapidinha...

Rodrigo disse...

Boa tarde, meu nome é Rodrigo, tenho 19 anos. Estava aqui navegando, quando achei esse blog, sem querer. Fiquei satisfeito ao saber que esse blog é operado por capixabas. Apesar de não ser um profundo conhecedor do jazz, me interesso bastante . Ano passado comecei meus estudos de trompete(instrumento o qual sempre fui apaixonado), sendo esse meu primeiro contato com um instrumento musical. Espero poder aprender muito sobre o jazz aqui. Um forte abraço a todos.

Salsa disse...

Seja bem vindo, Rodrigo. Vê se aprende a tocar esse troço logo pra gente fazer aquela jam.

Guzz disse...

beleza Rodrigo !
você leva seu trompete e eu a guitarra para a gente atropelar o som do amigo salsa

ehe

abraço

danilo disse...

Pronto, está armado o circo. É só plugar e mandar o som.
PS - A versão de When the saints... está muito legal. descontração total.

John Lester disse...

Bem vindo ao lar Mr. Salsa!

Vinícius disse...

ele foi brigar com a alien?