14/07/2009

Cartoons em Jazz - Turi Collura

O pianista e compositor Turi Collura apresenta um espetáculo-performance, em que as músicas dos desenhos animados mais famosos ganham nova roupa ao som do jazz. A banda composta por 6 músicos e 4 cantoras apresenta as músicas de desenhos como Popeye, Batman, o Homem Aranha, os Flintstones, Pantera cor de rosa, Pica-Pau, Simpsons e outros clássicos revisitados por Turi Collura. Acompanham o show as projeções vídeo dos desenhos originais e outras criações que interagem com a música. As projeções dos cartoons reavivam a memória afetiva dos desenhos. Outras performances acontecem ao vivo durante o show garantindo um espetáculo rápido e brilhante. Considerados produtos para crianças, os desenhos animados divertem um público de todas as idades e suas músicas foram feitas por grandes nomes da música contemporânea. No final de dezembro de 2008 o espetáculo bem humorado foi eleito por um juri dojornal “A Gazeta” entre os melhores shows do ano, junto a Ney Matogrosso, Hamilton de Hollanda, Paralamas e Titâs. = No Rio = O Cinemathéque, no Rio de Janeiro, hospeda o show Cartoons em Jazz no dia 22 de julho, quarta-feira, a partir das 21h. Participam da data carioca Ney Conceição (baixo), Roberto Stepheson (sax), Leandro Soares (trompete) e Elias Corrêa Silva (sax).

14 comentários:

Érico Cordeiro disse...

Caro Mr. Lester,
Que programaço.
A união entre desenho animado e jazz já nos deu muita coisa boa - desde a inesquecível trilha da Pantera Cor-de-rosa, até o maravilhoso Dave Digs Disney, do querido Brubeck.
Adoro assistir ao desenho "O tamanduá e a formiga", nas madrugadas insones do Cartoon Network, cuja trilha é obra de uma banda que tem, simplesmente, Ray Brown, Pete Candoli, Shelly Manne e Jimmy Rowles.
Será que vai rolar um cedezinho???
Abração!

John Lester disse...

Prezado Mr. Cordeiro, coisas assim só mesmo nosso amigo Turi poderia tornar real. Tentarei ir ao show, quem sabe encontro nosso amigo Edù por lá!

Grande abraço, JL.

edú disse...

O file mignon das trilhas sonoras de desenhos animados é a do “Tom and Jerry” (não as produzidas para a televisão) mas às dos cinemas produzidas para as sessões domingueiras de matinê.Uma aula de orquestração e execução instrumental promovida pelas mais tarimbadas “feras” q habitavam os estúdios cinematográficos nos anos 50 e 60. Ney Conceição manda muito bem no baixo elétrico.

pituco disse...

musicar animação deve ser trabalheira pacas...rs...os caras eram feras mesmo.

hoje com os programas e samplers talvez seja mais fácil.

abraçsonoros

Carioca da Vila disse...

E em Vitória, qual a data e o local em que Turi Collura se apresentará?

Carioca da Vila disse...

Saudade das matinês no lindo Metro Tijuca,(festival Tom & Jerry), programa obrigatório depois da missa no Externato São josé...

João Luiz disse...

Turi Collura, hoje, um dos principais pianistas de jazz, graças a Deus está radicado aqui em Vitória. Seu trabalho com músicas dos desenhos animados, com arranjos especiais, é muito bom. Os sons revisitados pelo sr.Collura apresentam todos uma pitada de jazz, mas a música dos Flintstones é imbatível. Só vendo e ouvindo. Um espetáculo de primeira.

Carioca da Vila disse...

Onde? Onde?

John Lester disse...

Prezada Mrs. Vila, creio que gostará de obter informações direto da fonte:

http://www.turicollura.com/

Grande abraço, JL.

Carioca da Vila disse...

Falou!

Salsa disse...

Já assisti duas vezes. Recomendo.

figbatera disse...

Deve ser, de fato, muito bom! Eu sempre admirei as músicas/arranjos dos desenhos animados e, puxa, vou chegar 1 dia atrasado ao Rio.

F. Grijó disse...

JL, querido amigo, convido vc para o aniversário de 2 anos do IPSIS LITTERIS.
Abraço, camarada.

John Lester disse...

Prezado Mr. Mr. Grijó, já?!

Sou uma espécie de padrinho distante do Ipsis, um menino precoce que começou a andar com um dia de vida.

Desse jeito, qualquer hora vai estar comigo ouvindo blues pelas ruas de Nórlins.

Parabéns e, você sabe, o primeiro pedaço do bolo é meu.

JL.